CALORIMETRIA INDIRETA – Conheça melhor seu metabolismo e viva bem demais!

gymdeportes

O quanto devemos comer?

A alimentação é algo que nos diferencia dos outros animais, pois não comemos apenas para repor a demanda energética diária. Precisamos sentir prazer!!! Quando estamos diante de um desafio como emagrecer ou ganhar massa muscular, esse mecanismo de satisfação diante do alimento nos traz desvantagem, pois nunca (ou quase nunca) resistimos aos tentadores filés com fritas, sorvetes e afins. Mas se soubermos o quanto precisamos comer podemos driblar esta armadilha evolutiva e garantir o sucesso em atingir as metas do programa.

Para conhecermos o quanto precisamos comer temos que descobrir o quanto de energia gastamos no nosso dia-a-dia. E para tanto, precisamos saber como funciona nosso metabolismo.

Como se calcula o gasto energético diário?

Existem diversas maneiras. O padrão ouro para esse cálculo, utilizado pelos atletas e nos centros de pesquisa científica em todo o mundo é um exame conhecido como Calorimetria Indireta.

RC_0609_0539

Esse teste mede o consumo de oxigênio e a produção de gás carbônico durante as trocas respiratórias. A partir dessa relação o aparelho calcula com exatidão o gasto energético em Kcal. Esse teste determina ainda se o indivíduo está utilizando mais gordura ou mais carboidrato como a principal fonte de obtenção da energia.

Mas porque preciso conhecer meu metabolismo?

Pense em uma balança, no formato de uma daquelas de feira livre. Temos de um lado a energia fornecida pelos alimentos que consumimos e do outro, o que você gasta de energia no seu dia-a-dia. Ao determinar com precisão o quanto seu metabolismo gasta de energia a pessoa pode escolher de forma adequada os alimentos que ingere. Esse conhecimento torna-se então uma ferramenta valiosa tanto para quem deseja emagrecer quanto para quem deseja ganhar massa muscular.

 gym-tips-for-weight-gain

O metabolismo é influenciado pela idade, sexo, massa muscular e pela alimentação.

Estudos utilizando a Calorimetria Indireta demonstraram que o metabolismo diminui com a idade e é menor nas mulheres, porém aumenta quando o indivíduo ganha massa muscular. É por esse motivo que tanto se recomenda a musculação para quem quer emagrecer.

A alimentação também pode influenciar no metabolismo de repouso. Em indivíduos que são submetidos a programas de emagrecimento, observa-se, após algumas semanas de dieta, uma diminuição de 10-25% a taxa metabólica de repouso. Dessa forma, se o metabolismo não for acompanhado com precisão, o emagrecimento estaciona, mesmo que a dieta esteja sendo seguida.

Conheça melhor seu metabolismo e viva bem demais! E pergunte ao seu médico e/ou nutricionista sobre Calorimetria.

Bruno Moulin de Andrade. PhD - Realimentare Exames - email: brunoma@me.com – Telefone: 21 9 9646 9589  www.realimentare.com.br 

logo bemdemais v4 GBD

O QUE DEVO COMER ANTES DE JOGAR FUTEBOL?

000614624b0203b9868

Você já ouviu falar na frase “Você é o que você come!”? Essa frase tem muitas verdades nela e precisamos saber o que comer e quando comer, não só para realizar um esporte, mas por ter uma saúde melhor.

Quando eu era mais jovem e jogava futebol com maior frequência, percebia que alguns dias, eu tinha um melhor rendimento nas quadras e outros dias que seria melhor esquecer, e me perguntava se isso tinha a ver com minha alimentação. Comer de mais ou de menos? Quais tipos de alimentações? E etc.

Mas direto ao ponto, vamos ver o que é necessário, ou não, consumir antes de jogar futebol ou realizar algum esporte em geral.

Artigos de nutrição esportiva do professor da Universidade de Stanford Paul Insel, recomendam que atletas de esportes de resistência, como jogadores de futebol, devem comer uma dieta composta de 60% ou mais em carboidratos. Isto fornece combustível para os músculos das pernas, especialmente o quadríceps muito utilizadas.

Boas fontes de carboidratos são arroz, macarrão, pão integral, aveia, cereais matinais ou frutas secas, de acordo com o nutricionista Diogo Ferreira, que colabora com a equipe portuguesa, Benfica.

Estes alimentos têm um baixo nível de fibra e ajudar a manter os níveis de açúcar no sangue estáveis, acrescenta.

Siga a tabela para saber quando e quanto devemos consumir:

Horas antes da Prática Esportiva Tipo de Refeição Calorias
3-5 horas Refeição grande 300-500
2-3 horas Refeição média 200-300
1-2 horas Refeição liquida 100-200
0.5-1 horas Lanche leve 50-100

Bons alimentos

Quando você precisa de carboidratos rápidos para pré-carregar ou reabastecer para o próximo jogo, tente:

  • Macarrão, panquecas, waffles, torradas, pães, batata, pizza de prato fundo.
  • A maioria dos cereais de sequeiro não altamente concentrado, com apenas cereais integrais e baixo teor de açúcar.
  • Bananas, laranjas, uvas são ricas em açúcar e frutas são boas.
  • As bebidas esportivas, morango e leite com chocolate, bem como as novas bebidas V8 Fusão de fruta.

O que você deve ficar longe

  • Grandes porções de gorduras e carnes.
  • Refrigerantes (substituir por sucos)
  • Alimentos 100% de grãos / alimentos ricos em fibras com baixo açúcares e carboidratos simples.
  • Alimentos de baixa caloria, como a gelatina.

MIGUEL MOURE, do Blog ACHE SEU TIME